Confira 5 Dicas Para Usar o Seu Plano Odontológico da Melhor Maneira!

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print

Se você está pensando em contratar um plano odontológico ou se ainda já realizou a contratação confira as principais dicas de como utilizá-lo da melhor maneira!

1. Confira as carências do plano odontológico

Apesar de existirem planos odontológicos com carência zero, algumas operadoras ainda estabelecem prazos para a realização de determinados procedimentos cobertos pelo plano, assim como nos planos de saúde.De toda maneira, a carência para procedimentos de urgência e emergência é de 24 horas. Para os demais tratamentos, as operadoras pode estabelecer carências máximas de 180 dias, segundo a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar). Por isso, é importante realizar a leitura das propostas e sempre realizar a contratação com uma corretora, como a Vale Ter Seguros. Assim, eventuais dúvidas relacionadas a carência, poderão ser sanadas com um consultor especializado antes da assinatura do contrato.

2. Verifique a rede credenciada

Verifique a rede credenciada de dentistas do plano odontológico sempre que for realizar algum novo procedimento. A rede está em constante atualização e algum dentista mais próximo a sua residência ou trabalho podem ingressar nela, o que pode facilitar bastante a sua vida.

A maneira mais fácil de localizar essa rede atualizada é no aplicativo do plano ou ainda no site da própria operadora, pois além da atualização, você também poderá usar filtros por cidade, bairro e especialidade.

3. Use o aplicativo da operadora

Como já falamos, atualmente a maioria das operadoras disponibiliza um aplicativo para o beneficiário e além dos recursos de encontrar a rede credenciada do seu plano odontológico, também é possível ter acesso a sua carteirinha digital, acompanhar dicas para cuidados de prevenção e ainda verificar os convênios que a operadora estabelece com redes de farmácias para possibilitar descontos para você! Então, se a operadora dispõe desse recurso, não deixe de usá-lo!

4. Fique atento(a) ao rol de procedimentos cobertos

É importante se atentar a cobertura do seu plano odontológico como por exemplo, se é um plano com a cobertura de rol básico, rol ampliado, e se cobre instalação e manutenção ortodôntica por exemplo. Isso porque se é um procedimento coberto, você não precisará realizar nenhum pagamento adicional para o consultório, pagando apenas a mensalidade normal do plano.

5. Verifique a abrangência do plano odontológico

Assim como nos planos de saúde, existem planos odontológicos com abrangência de rede nacional ou regional, e se você costuma viajar bastante é importante verificar essa questão, até mesmo para garantir a cobertura em um eventual procedimento de emergência, como por exemplo, se durante uma viagem fraturar um dente.

Agora se você não costuma viajar com frequência e pretende consultar dentistas apenas na região onde mora, os planos odontológicos regionais podem ser uma opção a se considerar, já que são um pouco mais em conta.

Extra: Qual a melhor forma de contratar um plano odontológico?

A melhor forma de contratar um plano é sempre com uma corretora especializada nesse produto, pois apesar de parecer simples, muitos beneficiários tem problemas justamente pela falta de compreensão do contrato, situação que não aconteceria caso os mesmos contratassem com o auxílio de um corretor especializado.

Além disso, você poderá receber cotação de uma quantidade maior de operadoras, de acordo com seu perfil, principalmente nos planos odontológicos para empresas, cujo estudo precisa ser mais detalhado.

Então, esse conteúdo te ajudou, compartilhe nas redes sociais e se gostaria de receber uma cotação de plano odontológico, clique aqui e fale hoje mesmo conosco!

Leia também